Os parâmetros da indústria de moda estão mudando. Se antes as grandes marcas “ditavam” as tendências de moda, hoje vivemos em uma sociedade que é uma verdadeira “metamorfose ambulante” que está transformando o setor. “A ditadura da moda deu lugar à informação que fica disponível de forma global e em velocidade surpreendente. Hoje você assiste a um desfile da Channel em tempo real, se quiser. Quem está no comando hoje é o consumidor”, apontou Paulo Correa, CEO da C&A Brasil , um dos grandes influenciadores do novo modelo chamado moda com propósito. A palestra aconteceu durante o Congresso E-Commerce Brasil Vendas 2017.

Para Correa, a infinidade de opções, a alta expectativa dos clientes de hoje (todos querem tudo mais barato, mais rápido, com melhor qualidade e com mais conveniência) e a preferência para que o produto seja personalizado e relevante, já que hoje as pessoas estão menos tolerantes à ofertas que não se encaixam no perfil delas estão forçando as empresas a levarem a relação com o cliente para um novo patamar. “O propósito nos dá a possibilidade de nos conectar emocionalmente com o consumidor. É possível aumentar meu poder de atenção com os consumidores através do propósito”, completou.

A era da transparência e #Justoéonovopreto

A moda é uma forma de expressão do indivíduo para o mundo. A vestimenta sempre esteve conectado a alguma história muito importante para a sociedade durante séculos. “Um vestido de noiva, uma entrevista de emprego, um batizado representam momentos nos quais a roupa foi um elemento muito importante”, apontou Correa.

Correa citou algumas iniciativas da C&A que seguem a linha da transparência com o consumidor. Entre elas, o “Conselho Fashion”, uma espécie de mesa redonda com 2.500 clientes que participam ativamente de várias decisões como as novas coleções e campanhas da empresa, a “Collections & Capsulas” e o “Provador consultor”, um serviço (botão) que permite ao cliente solicitar atendimento de dentro do provador. “Osso nos leva à dimensão de serviço cada vez mais importante. A digitalização da nossa sociedade nos leva a um caminho em que todas as interações humanas estão cada vez mais valorizadas”, disse Paulo.

Outra discussão levantada por Paulo foi a cultura da sustentabilidade. É preciso responder às perguntas: como as roupas são feitas e qual a origem dos produtos? Quais impactos essa produção gera no ambiente? Quais são as condições de trabalho dessa indústria? “Colaboração e sustentabilidade são palavras-chave importantes. Levando isso em consideração, em breve pretendemos disponibilizar todos os nossos fornecedores no nosso site”, finalizou Correa.

Confira a cobertura completa: https://www.ecommercebrasil.com.br/secoes-noticias/congresso-e-commerce-brasil-vendas-2017/

Se você gostou da notícia compartilhe nos botões abaixo ou ao lado.

Fique atualizado, siga a gente no Instagram Facebook

Faça a análise SEO da sua empresa gratuitamente e em menos de 1 minuto. Análise Mercado Binário

Veja o texto original

Somos uma agência diferente, focada em vendas e automação.
http://criacaode.site
http://desenvolvimentode.site http://criacaositecuritiba.com

Até a próxima  🙂
Abraços Rodrigo Schvabe

Ou entre em contato conosco
Email: atendimento@mercadobinario.com.br


Endereço:
Mercado Binário

3ª andar – Av. João Gualberto, 1881 – Juveve,
Curitiba
Paraná
8003000

Telefones: (41)3908-8448
WhatsApp:(41)99547-3615