Foto: Arquivo PMPR

Na madrugada do último domingo (1), dois jovens morreram em um confronto com uma equipe da Rone, da Polícia Militar, na Rua Guabirotuba, no bairro Prado Velho, em Curitiba.

Segundo a Polícia Militar, os dois teriam atirado contra os policiais durante uma tentativa de abordagem, e eles revidaram o que terminou na morte dos jovens, um deles menor de idade.

Nesta terça-feira (3), cinco pessoas morreram também em confronto com policiais militares, nos bairros Umbará e Pinheirinho.

De acordo com a PM, no Umbará, os suspeitos estavam em dois carros com alerta de roubo. Dois estavam em um veículo Tucson e fugiram em direção a Rua Bôrtolo Pelanda, onde desceram em uma área de moto e teriam atirado contra os policiais militares, que revidaram e mataram os dois.

No outro veículo, um Sandero, também havia duas pessoas, que teriam atirado contra o carro dos policiais e foram atingidos após eles revidarem os tiros.

Na situação do Pinheirinho, um homem estaria com um Renault Kwid roubado e foi alcançado após tentar fugir pela Linha Verde. Segundo a Polícia Militar, ele também teria trocado tiros com os policiais e foi morto.

Moradores do bairro Prado Velho ainda fizeram uma manifestação nesta terça-feira (3), pra contestar a morte dos dois jovens no domingo. Eles alegaram que eles não estavam armados quando foram mortos pelos policiais militares.

A equipe de reportagem da CBN Curitiba entrou em contato com a Polícia Militar para falar sobre o caso e aguarda o retorno.

Repórter William Bittar

Clique aqui para ver a publicação completa