A Black Friday, uma das maiores datas de varejo, aconteceu na última sexta-feira (25) e movimentou o comércio brasileiro, mesmo com o atual cenário econômico de crise do país. De acordo com levantamento do Busca Descontos, idealizador da BlackFriday.com.br, as categorias mais acessadas no período de 00h de 25 de novembro às 23h59 do mesmo dia, foram eletrodomésticos (22%), eletrônicos (20%), viagens (14%), moda (14%), informática (9%), casa e decoração (5%).

Os resultados expressivos para viagens e pacotes de viagens já eram itens esperados para a edição deste ano. “Há cerca de três anos, esses segmentos eram um pouco descolados do calendário de promoções, mas agora embarcaram de vez na Black Friday 2016. Saltou da 20ª posição em procura, para a 3ª  posição, se destacando entre os  dez mais procurados”, explica Ricardo Bove, diretor geral da blackfriday.com.br.

O levantamento também mapeou os estados mais acessados durante o evento. São Paulo aparece no topo da lista (35%), seguido pelo Rio de Janeiro (13%), Minas Gerais (11%), Paraná (6%), Rio Grande do Sul (5%), Santa Catarina (4%) e Bahia (4%), Distrito Federal (3%) e Goiás (3%) e Pernambuco (3%). Observamos que nessa Black Friday, os estados que tiveram mais acessos se mantiveram nas mesmas posições no comparativo com o mesmo período do ano passado, diz Bove.

Ainda na edição deste ano, o chat oficial  da Black Friday no Facebook, criado pela Smarkio – empresa especializada em serviços inovadores de consulta e compra de produtos, promoções e cupons – em parceria com a  BlackFriday.com.br, registrou  170 mil conversas completas. Desse total,78% conseguiram interagir com a ferramenta e acessar as ofertas solicitadas, e 64% buscaram cupons de descontos.

De acordo com a Smarkio, as lojas mais procuradas no chat durante a Black Friday 2016 foram Americanas.com, Submarino e Walmart. As categorias que se destacaram entre os usuários da ferramenta foram: iPhone, notebook e TVs. “A crise e a alta do dólar impulsionaram a venda de  eletrônicos. Os consumidores esperaram a Black Friday para comprar mercadorias que antes estavam mais caras. Isso explica o alto índice de procura desses itens no chat”, informa  Fernando Wolff, CEO da Smarkio.

Se você gostou da notícia compartilhe nos botões abaixo ou ao lado.

Fique atualizado, siga a gente no Instagram Facebook

Faça a análise SEO da sua empresa gratuitamente e em menos de 1 minuto. Análise Mercado Binário

Veja o texto original

Somos uma agência diferente, focada em vendas e automação.
http://criacaode.site
http://desenvolvimentode.site http://criacaositecuritiba.com

Até a próxima  🙂
Abraços Rodrigo Schvabe

Ou entre em contato conosco
Email: atendimento@mercadobinario.com.br


Endereço:
Mercado Binário

3ª andar – Av. João Gualberto, 1881 – Juveve,
Curitiba
Paraná
8003000

Telefones: (41)3908-8448
WhatsApp:(41)99547-3615